NOTÍCIAS VIVA MAIS

Praticar esportes e ter joelhos saudáveis são ações conciliáveis

Difícil encontrar algum aficionado de esportes ou academia que não tenha passado qualquer perrengue com os joelhos pelo menos uma vez na vida. Porém, se as articulações dessa região costumam estar na berlinda com certa frequência, isso não significa que a atividade física deva ser deixada de lado. Afinal, combater o sedentarismo é fundamental para a prevenção de diversas doenças e para a manutenção da qualidade de vida e bem estar de qualquer pessoa. Sim, é possível mexer o corpo e ter joelhos saudáveis ao mesmo tempo. 

Segundo o médico ortopedista Dr. Gustavo Azi, especialista em cirurgia do joelho,  entre os principais fatores que provocam lesão na área estão o baixo condicionamento físico e a flexibilidade limitada, causados pelo sedentarismo prolongado antes do início da atividade física. Por outro lado, praticar atividades físicas de maneira inadequada “pode causar lesão muscular, lesões nas articulações e nos ligamentos do joelho, além de lesões condrais, ou seja, na cartilagem da articulação. Isso sem contar que sem um preparo cardiovascular e respiratório suficiente, órgãos vitais como coração e pulmão podem sofrer prejuízos”, frisou.  

Para evitar todos esses problemas, “é fundamental procurar, em primeiro lugar, um cardiologista e depois um ortopedista, para que ele faça uma avaliação das condições do paciente de praticar ou não determinada atividade física. A orientação de um educador físico, que não necessariamente precisa ser um personal trainer, também é muito importante (...). As pessoas devem evitar pular essas etapas. O ideal é que a atividade física seja feita de maneira moderada, regular e com controle do exercício”, destacou o ortopedista.

Fortalecimento muscular, postura e execução correta dos movimentos entram no combo em defesa dos joelhos. Até a escolha do calçado faz diferença. Mas a medida básica – e talvez mais importante – é não forçar a barra, como se fosse um atleta olímpico. Agora, para quem realiza esportes que envolvem contato com outros jogadores, como futebol e basquete, há ainda a preciosa dica de escapar de encontrões perigosos. “Movimentos de rotação do joelho e, principalmente, mudanças bruscas de direção podem causar o rompimento do ligamento cruzado anterior”, informou o Dr. Gustavo Azi. “Vale destacar, na maioria dos casos, esse tipo de lesão requer tratamento com cirurgia. Melhor evitar”, acrescentou o Dr. Gustavo Azi.