NOSSOS VÍDEOS

Mitos e Verdades sobre Emagrecimento

 (71) 998... Ver mais >

Viva Mais Viva Melhor – A obesidade é o principal distúrbio de nutrição da atualidade. Quase 30% da população mundial é considerada obesa. Apesar de ainda ser considerada desleixo por alguns, a obesidade é uma doença e está entre as mais citadas pela Organização Mundial de Saúde (OMS), por isso é preciso atenção especial ao seu tratamento que inclui mudanças no estilo de vida e, em alguns casos, o uso de terapia farmacológica. Para falar um pouco mais sobre as dúvidas que surgem sobre o tratamento de obesidade e gerenciamento de peso, na nossa série Mitos e Verdades hoje quem conversa conosco é a farmacêutica Juliana Caribé.

Doutora, a individualização do tratamento de obesidade é uma aliada do processo de emagrecimento, isso é mito ou é verdade?

Dra. Juliana Caribé – Verdade, Olga. Diante da complexidade dos mecanismos ligados a obesidade e considerando que cada um desenvolve obesidade de maneira particular, a individualização do tratamento na obesidade com direcionamento da terapia conforme a necessidade de cada um é fundamental. 

Viva Mais Viva Melhor – Suplementos nutracêuticos podem auxiliar no processo de emagrecimento, isso é verdade ou é mito?

Dra. Juliana Caribé – Verdade. Os suplementos nutracêuticos podem auxiliar no processo de emagrecimento sobre variados mecanismos, seja aumentando a sensação de saciedade, reduzindo a ansiedade, e que em muitos casos é motivo para aumentar a ingesta de alimentos, ou até aumentando a termogênese, favorecendo assim o aumento do gasto calórico.

Viva Mais Viva Melhor – Quando a gente ouve dizer que qualquer pessoa que quer emagrecer pode usar drogas moderadoras do apetite, pois não tem contraindicação, isso é verdade ou é mito?

Dra. Juliana Caribé – É mito. A necessidade de utilização de um determinado medicamento varia conforme a fisiologia de cada um. Há sem dúvida muitos casos em que a moderação do apetite é essencial, naqueles casos de compulsão alimentar, por exemplo. Mas existem também casos em que a questão não é compulsão alimentar, mas uma dificuldade no gasto energético, por exemplo. Para estabelecer uma terapia medicamentosa é necessário que se faça uma investigação criteriosa que só um profissional qualificado é capaz de fazer. Nenhum medicamento é isento de contraindicações, por isso a necessidade de uma avaliação prévia por um profissional de saúde qualificado para tal.

Viva Mais Viva Melhor – Antes de consumir qualquer medicamento é preciso se consultar com o especialista, sobretudo quando trata-se de emagrecimento, isso é mito ou é verdade?

Dra. Juliana Caribé – Verdade. A avaliação de um especialista é condição fundamental tanto para o consumo de um medicamento como para o estabelecimento de um plano terapêutico. O uso de um medicamento é somente uma parte do tratamento, principalmente quando se trata de emagrecimento. O especialista irá avaliar e fazer as devidas investigações para então estabelecer a terapia mais adequada.

Viva Mais Viva Melhor – Doutora, é mito ou é verdade que medicamentos manipulados podem ser comprados sem receita médica?

Dra. Juliana Caribé – É mito. A prescrição não precisa ser necessariamente de um médico, pode ser também de um nutricionista ou até de um farmacêutico, já que nos é permitido também a prescrição de alguns ativos. O que não pode ocorrer, em hipótese alguma, é a dispensação e o uso de um medicamento sem o acompanhamento de um profissional de saúde devidamente qualificado.

Viva Mais Viva Melhor – Remédios para emagrecer fazem efeitos sozinho sem que haja a necessidade de mudança de hábito, isso é mito ou é verdade?

Dra. Juliana Caribé – É mito. Alguns medicamentos podem até proporcionar uma perda de peso dentro de um período mais curto de tempo, mas, se o uso do medicamento não for acompanhado de mudanças de hábitos comportamentais, como mudanças na alimentação e prática de atividade física, a terapia não será eficaz, já que o peso perdido será recuperado com mais facilidade, podendo ocasionar até o chamado efeito rebote, que ocorre justamente quando há uma perda brusca de peso e subsequente ganho deste peso perdido.

Viva Mais Viva Melhor – Doutora Juliana, as vitaminas e corticoides engordam, essa afirmativa é mito ou é verdade?

Dra. Juliana Caribé – Verdade. Na verdade, meia verdade. No caso do uso de vitaminas como o complexo B, por exemplo, pode ocorrer aumento do apetite e esse evento pode levar a maior ingestão de alimentos mais do que se fazia habitualmente, levando assim ao ganho de peso. É um mecanismo indireto que não acontece obrigatoriamente. Já os corticoides, quando usado continuamente, não quando usado em situações pontuais, por um período curto de tempo, mas quando há uso crônico podem levar a um ganho de peso com acúmulo de gordura principalmente na região centrípeta que é a região central do corpo, mas este é um resultado esperado e está intrinsecamente relacionado com o uso desta classe de medicamentos.

Viva Mais Viva Melhor – Sacietogênicos, termogênicos, ansiolíticos, inibidores do acúmulo de gordura, antioxidantes, pré e probióticos podem ser utilizados como promotores do emagrecimento, isso é mito ou é verdade?

Dra. Juliana Caribé – Verdade, Olga. Todos eles podem promover emagrecimento principalmente quando associados, sejam em uma única formulação ou não. Quando combinamos classes de medicamentos com mecanismos de ação diferentes para promoção do emagrecimento conseguimos atuar sob várias vias diferentes potencializando assim a ação terapêutica.

Viva Mais Viva Melhor – Doutora, para finalizarmos os diuréticos, laxativos e injeções de enzimas também fazem parte do arsenal terapêutico prescrito para o tratamento da obesidade, isso é mito ou é verdade?

Dra. Juliana Caribé – Olga, nós podemos lançar mão de várias alternativas para promoção do emagrecimento, o mais importante é termos muita cautela com os modismos e procurarmos sempre a ajuda de um profissional qualificado. O fato é que não existe nenhuma forma milagrosa para emagrecer. Estimular a diurese pode diminuir a retenção de líquido se for este o caso. O uso de laxantes reduz a absorção de gordura, mas também a absorção de nutrientes fundamentais para o bom funcionamento do organismo. Já a injeção de enzimas lipolíticas favorece a liberação de gordura da célula adiposa, mas é necessário também o estímulo para eliminação desta gordura, neste caso a atividade física. O que nós não podemos perder de vista é que o processo de emagrecimento deve estar sempre aliado a hábitos de vida saudáveis e que nos permitam viver melhor. A prática de rituais deletérios que depletam nossa energia nunca será a melhor opção.

Viva Mais Viva Melhor – Conversamos com a doutora Juliana Caribé, farmacêutica. Doutora, muito obrigada, até a próxima.