NOTÍCIAS VIVA MAIS

Você ainda tem dúvidas sobre o Câncer de Mama?

Tumor maligno que mais leva as mulheres à morte, o câncer de mama, quando diagnosticado no início, tem chances de cura de até 95%. Porém, fatores que podem aumentar o risco de desenvolver um tumor ainda geram muitas dúvidas a respeito do assunto. Convidamos a Dra. Elisiane Gadelha, médica especialista em mastologia, para esclarecer algumas perguntas que encontramos em nosssas redes sociais:

Qualquer tumor na mama é um câncer?
Mito. Outras tumorações benignas em mamas são muito frequentes, como cistos, fibroadenomas e até abcessos, porém, é difícil para o leigo, apenas pelo autoexame, saber a diferença. Portanto, é importante que todas as alterações sejam investigadas pelo médico assistente.

Dor nas mamas é sinal de câncer?
Mito. A dor é um sinal tardio, quando a doença está invadindo outros órgãos ou a pele e a própria musculatura. O câncer de mama na sua fase inicial é, na maioria das vezes, uma tumoração completamente assintomática.

Quem já teve câncer de mama uma vez nunca mais terá a doença?
Mito. Pacientes que tiveram câncer de mama e ainda têm mama podem vir a apresentar recidivas ou novas tumorações e devem estar fazendo acompanhamento rigoroso com o médico.

É prejudicial ao bebê continuar mamando se existe suspeita de câncer de mama na mãe?
Mito. O câncer de mama não é contagioso e não passa pelo leite materno. 

Porém, infelizmente, em casos de diagnóstico de câncer de mama no período do aleitamento, na maioria das vezes, é preciso fazer o desmame para proceder o tratamento de forma correta. Durante a cirurgia, o leite da mama aumenta o risco para infecção e, também na realização da quimioterapia, é preciso parar a amamentação.

Após detectado o câncer, a mama tem que ser removida por completo?
Mito. Se o câncer de mama for descoberto na fase inicial é muito seguro realizar a cirurgia conservadora da mama associada a radioterapia. Este tratamento proporciona a mesma chance de cura de uma mastectomia, preservando a estética da paciente. Tudo depende do diagnóstico precoce.

Gordura ou excesso de peso podem causar câncer de mama?
Verdade. Estudos atuais demonstram que a obesidade e a alimentação rica em gordura estão associadas tanto ao aumento de risco de desenvolvimento de câncer de mama como ao maior risco de recidiva para as pacientes já tratadas. Então, é fundamental lembrar a todos os pacientes a importância de uma alimentação saudável e a necessidade de realizar atividades físicas.

Uso de prótese de silicone dificulta o diagnóstico do câncer de mama?
Mito. A prótese é colocada atrás da glândula mamária e, apesar da prótese ser opaca na mamografia, se forem realizadas manobras específicas durante o exame e associação com a ultrassonografia, o risco desta prótese esconder uma tumoração diminui muito. Pode-se ainda associar a exames específicos como a ressonância magnética, para avaliar a mama e a prótese.

É correto afirmar que a radiação emitida pela mamografia causa câncer?
Mito. A radiação emitida pela mamografia é muito baixa e é um procedimento extremamente seguro. As informações que foram veiculadas em redes sociais são completamente infundadas e levam a um risco grave, pois algumas pacientes têm deixado de realizar mamografia regular por medo e deixando de ter um diagnóstico precoce do câncer de mama.