NOTÍCIAS VIVA MAIS

Câncer de boca cresce entre pessoas mais jovens

Nos últimos anos, o perfil dos pacientes com câncer de boca mudou. Homens e mulheres têm desenvolvido a doença cada vez mais cedo, com idades entre 30 e 44 anos. Os dados são de um estudo coordenado pela médica epidemiologista Maria Paula Curado, do A.C.Camargo Cancer Center. 

O sexo oral desprotegido é apontado como um dos motivos do crescimento da doença nessa faixa etária. Segundo médico oncologista André Barcellar, alguns cânceres de boca estão associados à infecção pelo HPV, vírus transmitido sexualmente, ligado também ao câncer de colo de útero.

Saiba mais:
Quais são os efeitos colaterais do tratamento dos cânceres de cabeça e pescoço?
Como é feito o diagnóstico dos cânceres de cabeça e pescoço?

”A incidência de câncer de boca vem aumentando entre a população de adultos jovens em ambos os sexos. Parte desse aumento pode ser em razão de mudanças no comportamento sexual”. Usar camisinha, inclusive, no sexo oral, previne não só a infecção pelo HPV, como também outras doenças sexualmente transmissíveis. Bacellar revela, ainda, que é observado, em pacientes com câncer de boca, uma higiene bucal deficiente e uma dieta pobre em proteínas, vitaminas e minerais e rica em gorduras. “Devemos, portanto, cuidar da higiene oral e da alimentação também. Visitas regulares ao dentista ajudam na detecção precoce das lesões, por vezes ainda no seu estado pré-maligno, muito mais fácil de curar”.