NOTÍCIAS VIVA MAIS

Atividade física sem orientação pode ocasionar lesões graves no corpo

Atividade física é qualquer esforço físico, bem orientado, que tem como finalidade atingir um determinado objetivo muscular ou cardiorrespiratório. Subir e descer, por exemplo, pode se transformar em atividade física se for bem orientada e estimulada dentro de um plano de treinamento. Porém, com a correria do dia-a-dia, muitas pessoas acabam fazendo atividades de maneira esporádica, sem acompanhamento de um profissional, apenas para se sentirem mais ativas e saudáveis. Mas, fazer exercícios de forma inadequada pode ocasionar lesões graves no corpo.

“Já está comprovado, por estudos, que o gasto de energia maior do que os níveis de repouso não só previne, como trata algumas patologias e, por conta disso, tem um efeito benéfico do ponto de vista da saúde física e mental. A atividade física consegue controlar níveis glicêmicos e  melhorar a autoestima do paciente”. (Dr. Gustavo Azi, médico ortopedista e especialista em cirurgia de joelho)

Para iniciar uma atividade física, é fundamental que o paciente procure, em primeiro lugar, um cardiologista, e, depois, um ortopedista. O cardiologista fará uma avaliação para saber se ele tem condições de praticar aquela atividade. Também se faz necessário que essa atividade seja orientada por um educador físico, que irá traçar o plano de atividade de acordo com a necessidade de cada paciente. 

É importante ressaltar, que “praticar uma atividade física de maneira inadequada pode ocasionar em lesão muscular, lesões nas articulações, lesões ligamentares e lesões condrais. Além disso, no caso do paciente não ter um preparo cardiovascular e respiratório suficiente, para aquela atividade física, também poderá sofrer lesões em órgãos vitais”, explica Dr. Gustavo Azi.

Vale lembrar, que existem boas alternativas para se exercitar de maneira segura, sem gastar muito. Os aparelhos que estimulam a população na prática da atividade física, localizados nas praças da cidade, são bem interessantes. Porém, a orientação com o educador físico continua sendo necessária, pelo menos na primeira vez que a pessoa for utilizar o aparelho. “Se for bem orientado, fica muito mais seguro. Caso a pessoa não tenha essa oportunidade, deve realizar o exercício de maneira lenta, para evitar lesões articulares”, finaliza Dr. Gustavo Azi.

Dicas para iniciar uma atividade física de maneira correta:
- Ter a noção da importância da atividade física;
- Ter força de vontade e não desistir no primeiro momento;
- Procurar um cardiologista e um ortopedista, para fazer uma avaliação inicial e ter seu plano de atividade física orientado por um educador físico.